Sobre Guaratinguetá

Cidade de Guaratinguetá

Guaratinguetá é um município brasileiro do estado de São Paulo, localizada na região do Vale do Paraíba, sede de microrregião e um dos pólos sub-regionais do Brasil. Sua microrregião vive um processo de urbanização e pode ser elevada a Região Metropolitana. O município é uma dos mais importantes do Vale do Paraíba e é um município turístico, industrial e comercial.

História

Desde de o início de seu povoamento, em 1600, Guaratinguetá teve em seu território uma grande quantidade de garças que marcavam a paisagem. Os índios dominavam as terras do município até a chegada dos brancos; estes chegam ao município em 1628, através da doação a Jacques Félix e seus filhos, de terras no Vale do Paraíba. Em torno da antiga capela de Santo Antônio, hoje a Catedral do município, é que se desenvolveu o município de Guaratinguetá. No ano de 1651, foi elevada a Vila, pelo Capitão Domingos Luiz Leme.

Século XX

O século XX inicia-se com o alteamento das torres da Catedral. Em 1901, é construída a "Igreja de Nossa Senhora da Piedade" no distrito de Roseira, que na ocasião fazia parte de Guaratinguetá.

No ano de 1902, ocorre a instalação da Escola Complementar e depois da Escola Normal, para a formação de professores. Nesta época também há a criação do "Ginásio Nogueira da Gama" e do seu internato. A Escola de Comércio, Escola de Farmácia e a de Odontologia, são fundadas na cidade. Com a abertura das escolas, principalmente, da Escola Normal, Guaratinguetá torna-se na época, um importante centro de cultura, pois atraía para a cidade estudantes e professores vindos de diversas regiões do estado e de Minas Gerais.

A rede de energia elétrica é inaugurada na cidade, em 1905, e com isso é instalado uma linha de bonde elétrico, ligando Guaratinguetá até o seu antigo distrito de Aparecida. O bonde deixa de funcionar em 1952.

Por volta de 1915, são inauguradas na cidade mais duas casas de espetáculos, o "Parque Cinema" e o "Cine Homero Ottoni". Ocorre também a criação do "Cine Teatro Central", e a formação da "Associação Esportiva de Guaratinguetá" e a criação do "Clube de Regatas" (onde hoje é a Câmara Municipal), além de um Derby e um Jockey Clube.

No século XX, também ocorre o declínio da produção de café no Vale do Paraíba. A cultura cafeeira cede lugar à prática da agropecuária extensiva. Começa a pecuária leiteira no município, e em poucas décadas, Guaratinguetá se torna uma das maiores bacias leiteiras do Brasil.

No ano de 1928, Guaratinguetá perde os territórios de Aparecida e de Roseira, e no ano de 1991, perde seu último distrito, o de Potim. O desenvolvimento da economia do município, fez com que surgissem na cidade as primeiras associações de classe, como a "Associação dos Empregados do Comércio", a "Associação Comercial e Industrial de Guaratinguetá", a "União Produtora de Laticínios", a "Cooperativa de Laticínios de Guaratinguetá", a "Associação Agro-Pecuária", além da fundação de uma loja maçônica e de uma caixa rural.

Em 1914, a cidade começa seu processo de industrialização, com a fundação da "Fábrica de Cobertores e Companhia de Fiação e Tecidos de Guaratinguetá". Seis anos depois, Monsenhor Filippo, funda a "União dos Operários Católicos", e ainda a "Sociedade Operária de Guaratinguetá". A partir dos anos 50, atividade industrial cresce em Guaratinguetá com a abertura da Rodovia Presidente Dutra, em 1951 e com a chegada de famílias mineiras, vindas da Mantiqueira, as antigas propriedades rurais transformam-se em fazendas de pecuária. No parque industrial da cidade, juntamente com as industrias de laticínios, de fiação e de tecelagem, desenvolvem-se indústrias de produtos químicos, de mecânica pesada, de papel, entre outras. Na área educacional, chegam à cidade o SENAC "Nelson Antônio Mathídios dos Santos", a FATEC (Faculdade Tecnológica), ocorre a criação do "Museu Frei Galvão" e "Museu Rodrigues Alves".Também nesta década é criada a Escola de Especialistas de Aeronáutica, dando grande impulso à economia da cidade.

Economia

Pioneira na industrialização do Vale do Paraíba Paulista, hoje Guaratinguetá mantêm sua importância econômica. Foi eleita a 90º melhor economia do Brasil, a 24º do estado de São Paulo e a 2º melhor do Vale do Paraíba.

Localizada no eixo Rio – São Paulo, Guaratinguetá é considerada a segunda melhor economia do Vale do Paraíba para se investir e a segunda em importância na região. Com grande crescimento dos setores Indústrias e Comerciais, a cidade vem vivendo um grande crescimento em seu setor econômico.

Turismo

O turismo na cidade de Guaratinguetá se desenvolveu com o passar dos anos, e é hoje, um dos principais meios lucrativos do município. O turismo religioso é talvez o principal e o que mais atrai visitantes para a cidade, houve um aumento ainda maior nesse setor após a canonização de Frei Galvão. Os turismos urbanos, históricos e ecológicos também atraem visitantes e lucro para o município.

O desenvolvimento desse setor teve início no final do século XX, mas ganhou força no século XXI. Em parceria com o Sebrae e as cidades de Aparecida e Cachoeira Paulista, Guaratinguetá lançou um pacote de turismo, chamado de Circuito da Fé, envolvendo visitas a pontos turísticos dos três municípios.

O turismo urbano e histórico prevalece na região central da cidade, com visitas a antigos casarões construídos na época do café, visitas a "Estação Ferroviária de Guaratinguetá" e ao "Mercado Municipal". No turismo ecológico, os bairros do "Gomeral", das "Pedrinhas", do "Taquaral" e dos "Pilões" são os roteiros principais, já que ficam nas bases de montanhas como a Serra da Mantiqueira e da Serra do Mar.

O turismo religioso envolve visitas à casa de Frei Galvão, ao seminário do Santo, a Igrejas como a "Catedral de Santo Antônio" e a "Igreja de Frei Galvão".

Para homenagear a comunidade de moradores desta maravilhosa cidade, o Encontra São Paulo criou o Encontra Guaratinguetá.

Blog do Guia da Cidade de Guaratinguetá

Receba notícias por e-mail
Cadastre-se e receba notícias de Guaratinguetá por e-mail
 

Cidades de São Paulo: Limites - Cidades Vizinhas

Campos do Jordão, Delfim Moreira, Piquete, Cunha, Lagoinha, Aparecida, Potim, Pindamonhangaba e Lorena.

Dados Principais sobre Guaratinguetá

Aniversário: 13 de Junho
Fundação :
1630
Gentílico:
guaratinguetaense
Area:
751,443 Km ²
População
112.091 hab. (2010)
IDH 0,818 - elevado
Prefeitura Guaratinguetá

Brasão de Guaratinguetá
Brasão de Guaratinguetá

Bandeira de Guaratinguetá
Bandeira de Guaratinguetá

Vídeo sobre a cidade de Guaratinguetá
Veja mais vídeos sobre a Cidade de Guaratinguetá

Mapa Guaratinguetá

 

Moradores ilustres de Guaratinguetá

 

   

  Sobre o EncontraGuaratinguetá
Fale com EncontraGuaratinguetá
Anuncie no EncontraGuaratinguetá
Cadastre sua Empresa no EncontraGuaratinguetá (grátis)


Termos EncontraGuaratinguetá | Privacidade EncontraGuaratinguetá


Bandeira de Guaratinguetá